Farpas e Alfinetes - Adelmario Coelho | Letra da Música

Farpas e Alfinetes - Adelmario Coelho

Letras de A - Z, de diversos estilos musicais

Farpas e Alfinetes - Adelmario Coelho - Letra






Não arrume a mesa pra dois
Nem guarde meu lugar na mesa
Não se arrume pra me agradar
Descanse a beleza

Não vou mais viver de fachas
Mentiras não dão passos largos
Eu quero é viver de certezas
De dúvidas estou farto
Não vamos juntar nossos cacos

Fazermos um mosaico e acharmos bonito
Nem queira varrer pro tapete
Farpas e alfinetes dos nossos conflitos
Nosso caso aqui se encerra
E o teu pé de guerra já pisou demais no amor
A vida é boa e corre as pressas
E eu tenho pressa já vou, mas

Farpas e Alfinetes - Adelmario Coelho | Letra da Música. Compartilhe!