Vilões Satisfeitos - Carlinhos Brown | Letra da Música

Vilões Satisfeitos - Carlinhos Brown

Letras de A - Z, de diversos estilos musicais

Vilões Satisfeitos - Carlinhos Brown - Letra






Bicho na visão da sociedade
Pour quoi, por quê?
Se catamos no lixo seus restos
E ela não vê
Que passamos momentos ratos
Quem se importa com quem?
Saiba como luzir teus raios
Querido alguém
Come on, get up, get up, get up

Acho que somos pertences de um cravo
De um jeito caloroso, carinho
Somos púrpuro arriscado pescoço
Somos um muro a mais
Somos os vilões satisfeitos
Estabilizantes, clamam por quê?
Perto ao perigo magoado, onde está você?
Come on, get up, get up, get up

Decida se deve seduzir
Meu rumo leve de garantia
Quebre essa cerca de valentias
Que o narcisista mago vagou no andar deserto
Sem a razão dos séculos nus
Os teus meninos magros
De pé ficou carente de paz
No lodo saboroso caiu
Livre é livro do peito vil

Come on, get up, get up, get up
Come on, get up, get up, get up
Come on, get up, get up, get up
Come on, get up, get up, get up

Onde está você
Sociedade,
Seus restos
Ratos?
Com quem teus raios de um cravo caloroso?
Púrpuro arriscado,
Em um muro de vilões satisfeitos
Magoados
Onde está você?
De vida seduzir
O leve da garantia da razão dos séculos nus
Teus raios
Pertencem
Calorosamente magros
A quem o carinho do pescoço mais satisfeito
Clama
Por aguados seduzir.
Da garantia das cercas de valentia
Os narcisistas vagam
E andam deserto por séculos nus
Lodo saboroso,
Livre o livro do peito!
Na visão catamos pertences
E um muro
Mais satisfeitos
Magoados clamam
Por seduzir a garantia
De valentias em cercas narcisistas
Por meninos magros e pés carentes
Saborosos!
Livre do peito vil

Vilões Satisfeitos - Carlinhos Brown | Letra da Música. Compartilhe!