Perseu (Letra) - Dois As | Letra da Música

Perseu (Letra) - Dois As

Letras de A - Z, de diversos estilos musicais

Perseu (Letra) - Dois As - Letra






Perseu

Vai, vai, vai

 

[Verso]

Caminho na sombra

Uma falsa luz vive na minha espreita

Como eu sei que é falsa? A verdadeira sempre me rejeita

Minha rima há tempos passou dafase de ser aceita, é

Classe catastrófica uma colisão de cometa

O rap game parece que tomou foi um chá de buceta

O diabo aplaude os cara velho esbaldar nas ninfeta

E o Rato é um escaravelho, treta um pack na gaveta

Eu quero a prata em seu pescoço mesmo que em mim fique preta

Letra crua

Vaidade que insinua na tua

Cafua pura em luxúria

Qual foi MURA GRUTA é rua

Matéria é zero censura

Obras são pós sepultura

O novo escambo e tua conduta é dois saco de droga pura

E eu fumo na cara dura

Evito criança coroa e viatura e os cara que corta e costura

São os louco que mucho fura

"Mano Rato jura?"

Ainda pergunta porra burra

Espero que a burrice opcional da era tenha cura

Aviso pra manter cuidado se o brinquedo fura

Pega na borda e segura

Falso batendo no peito dizendo que faz na cultura o tempo tortura

Bolando um plano perfeito

Pra fazer meus corre na fúria

Eu torno lamúria em fartura e compro um carro e uma Hayabusa

Eu vou fuder o capitalismo, começar a vender minha blusa

Os cara do fã clube é os arrombado que me acusa

Pois minha rima é suja

Vai se fuder com hipotenusa

Só uma espada q me ajuda a ter a cabeça da Medusa

Dois As - Perseu 

Perseu (Letra) - Dois As | Letra da Música. Compartilhe!