Mais Amargo Que Jiló - Eliezer Setton | Letra da Música

Mais Amargo Que Jiló - Eliezer Setton

Letras de A - Z, de diversos estilos musicais

Mais Amargo Que Jiló - Eliezer Setton - Letra






É quando a gente sabe que é mentira
É quando a gente sente que acabou
É quando a gente vê que tá na hora
De botar tudo pra fora
Pra saber se existe amor

É quando a gente quer que o tempo volte
Pra ver se acende o fogo que apagou
É quando a gente escolhe a hora errada
De partir pro tudo ou nada
Pra saber se existe amor

É sempre assim
Dói no começo, mas depois é bem pior
Estica o choro, "afroxa os nervo", aperta o nó
É o fim do mundo
É de fechar o paletó

É menos ruim que dor-de-dente
E mais amargo que jiló
É sufoco, é desmantelo
Não tem jeito nem doutor
Que avie uma receita
Se já não existe amor

Mais Amargo Que Jiló - Eliezer Setton | Letra da Música. Compartilhe!