Eu e a Felicidade - Nando Reis | Letra da Música

Eu e a Felicidade - Nando Reis

Letras de A - Z, de diversos estilos musicais

Eu e a Felicidade - Nando Reis - Letra






E afinal ela quer me entregar ou não quer?
Um beijo letal e some no espaço
E afinal de onde vem
Será que tem mais também?
Não ouço sinal, ninguém nesse rádio

Ela entrou numa astronave
O seu Sonrisal capsular
Circular, sensual
De longe chegou, habitante de Marte
Depois de morder, me deu um soco e assoprou
Depois de comer lavou suas mãos e enxugou
E eu não passo de um brinquedo desmontável

Mas no meu quintal desceu essa nave de Vênus
Vestida de noiva, de véu e grinalda
E sem explicar eu olhei para baixo e vi no terreiro
Um trevo de cinco folhas que é muito mais raro

E eu entrei numa astronave
E eu entrei numa astronave
E sem avental, sem sapato ou gravata flutuei
Levitei muito acima do asfalto, eu e a felicidade
Que depois de me ver mostrou seu rosto e acenou
Depois disse adeus, beijou minha boca e abençoou
Ela não passa de um desejo inflamável

Natural é ter um trabalho, um salário, um emprego
Nome confiável, respeito na praça
Mas afinal o que é felicidade? É sossego
Nesse mundo pequeno de tempo e espaço
Ela só vem dizer que quem nasceu já conquistou
O reino de Deus é um direito, não é um milagre

Eu e a Felicidade - Nando Reis | Letra da Música. Compartilhe!