Flor De Aquidauana - Valderi e Mizael | Letra da Música

Flor De Aquidauana - Valderi e Mizael

Letras de A - Z, de diversos estilos musicais

Flor De Aquidauana - Valderi e Mizael - Letra






Reverei Aquidauana minha querência adorada
A saudade me apressa eu partirei nessa madrugada
A minha morena linda uma carta me escreveu
Contando que na distancia de saudade quase morreu

Nos campos de Aquidauana uma flor quero apanhar
E nesta flor tão singela minha vida lhe entregar
Naquela mão cor-de-rosa a aliança eu deixarei
E o prazo do casamento com seus pais combinarei

Flor matogrosense de Aquiadauna quero ver-te ainda esta semana
Para curar esta dor tirana que trago desde que a conheci
Flor de Aquidauana dos meus desejos há tanto tempo que não te vejo
Quero afogar-te num longo beijo e jurar que nunca te esqueci

Confesso que não vejo a hora de abraçar meus companheiros
Não esqueço as serenatas e os bailes do terreiro
O passeio nas campinas admirando a beleza
E as flores que são plantadas pelas mãos da natureza

Só peço que transforme meu sonho em realidade
E construir o meu rancho no seio desta cidade
Eu não sou matogrossense, mas minha’lma se irmana
Da grande hospitalidade do povo de Aquidauana

Flor De Aquidauana - Valderi e Mizael | Letra da Música. Compartilhe!